Outras Notícias

II Mostra Sistema FIESP de Responsabilidade Socioambiental


Com o objetivo de criar um modelo de desenvolvimento que preze pela construção de uma sociedade mais justa e alie progresso econômico à responsabilidade social e ambiental, a Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (FIESP), junto ao seu Comitê de Responsabilidade Social (CORES), lançou a II Mostra Sistema FIESP de Responsabilidade Socioambiental, que será realizada nos dias 13, 14 e 15 de agosto de 2008, no Pavilhão da Bienal, em São Paulo (SP). A proposta é unir em um mesmo espaço a troca de informações (Congresso) e as demonstrações de práticas de responsabilidade social das empresas (Feira de Ações e Produtos Sustentáveis).



Durante os três dias do evento, o Congresso discutirá temas como biocombustíveis e alimentos, alternativas para produção de energia limpa, responsabilidade social das entidades de classe, PIB x IDH, conceitos de construção sustentável, novas formas de inclusão de portadores de necessidades especiais e outros temas relacionados à Nova Economia, ao Meio Ambiente e à Sustentabilidade. O evento será maior e mais voltado a empresas e negócios que a edição do ano passado, apresentando novidades como uma exposição de produtos sustentáveis para a construção civil e o lançamento do Fórum Pró-inclusão Econômica e Social do Negro e do Selo da Diversidade Paulista. Para que a discussão e a divulgação dos projetos seja eficiente, a segunda edição da Mostra pretende ampliar a participação de governos, empresas, universidades e meios de comunicação nacionais e internacionais.



Programação:

Cerimônia de abertura
Assinatura do Protocolo de Intenções entre a FIESP e a Confederação das Empresas da Noruega (NHO)
Assinatura do Convênio entre a FIESP e o Ministério do Meio Ambiente (participação do ministro Carlos Minc)
Apresentação dos resultados da parceria entre Cruz de Malta, Senai e Farmasa (Bíblia em Braile)
Presença de palestrantes e autoridades, como o secretário do Meio Ambiente do Estado de São Paulo, Xico Graziano; a diretora titular do CORES, Eliane Belfort
Apresentação de cases de diversas empresas de renome no mercado


Estrutura:

O espaço da Mostra será dividido em 103 estandes, quatro auditórios com capacidade total para 636 pessoas, 12 lounges, espaço lúdico, cyber cafés e espaços VIPs
A decoração do evento, assinada pelo designer Nido Campolongo, trará conceitos de sustentabilidade aplicados em cada detalhe. Lustres feitos com copos descartáveis, poltronas de papelão e piso feito a partir de resíduos sólidos compõem o cenário do Pavilhão da Bienal. Reconhecido pela criatividade e pelo bom gosto na aplicação de elementos descartáveis em seus projetos de decoração, Campolongo já recebeu vários prêmios por sua atuação diferenciada no mercado.
· A Mostra também contará com a exposição de um Espaço Sustentável, onde serão aplicados produtos que têm o Selo SustentaX de Sustentabilidade com Qualidade, criado para aumentar a produtividade e reduzir os custos de concepção e implantação de green buildings (construções sustentáveis). Ele facilita a introdução de materiais, equipamentos e prestadores de serviços sócio-ambientalmente corretos no crescente mercado de construções ecologicamente corretas e permite a rápida identificação destes produtos por parte de projetistas, arquitetos, construtores e compradores, entre outros interessados.



Sobre a FIESP

Intérprete do setor produtivo, a Federação das Indústrias do Estado de São Paulo fala por 132 sindicatos patronais que representam, aproximadamente, 150 mil indústrias de todos os portes e das mais diferentes cadeias produtivas. É a maior entidade de classe da indústria brasileira.



Sobre o CORES

O Comitê de Responsabilidade Social da FIESP tem a missão de difundir o conceito de Responsabilidade Social Empresarial como ferramenta de gestão para a competitividade, o crescimento, o lucro e a sustentabilidade. Respaldado pelo Conselho Superior de Responsabilidade Social do Instituto Roberto Simonsen (IRS), o CORES elaborou uma Agenda de Responsabilidade Social e o Programa Sou Legal, que propõe em três passos a discussão, a implementação e a difusão do tema junto ao industrial paulista.


Laís Quinhonero Jimenez

ECCO - Escritório de Consultoria e Comunicação
Rua Dr. Geraldo Campos Moreira, 17 - 6º
04571-020 - Brooklin - SP
Fone 11 5506-1144

Fonte: ECCO - Escritório de Consultoria e Comunicação

Powered By Signe - Solução Integrada para Gestão de Negócios